quinta-feira, 2 de março de 2017

Temperamento: sua casa também tem e pode mudar

Vera Sousa Feng Shui
Um dos princípios básicos do Feng Shui é a busca pelo equilíbrio de cinco elementos ou energias nomeadas: Madeira, Fogo, Terra, Metal e Água. Essas cinco forças da natureza podem ser reproduzidas em ambientes e são responsáveis por determinar o temperamento do projeto arquitetônico.  

  • Quer criatividade, movimento, então o elemento Madeira deve ser sua escolha. 
  • Se quiser reconhecimento, sucesso, exuberância, traga a energia do Fogo. 
  • Um ambiente mais estável, acolhedor pede Terra. 
  • Simplicidade, espaço, foco, Metal é a energia necessária.
  • Recolhimento, introspecção, a Água trará essa qualidade.

Porém, como numa receita culinária, o tempero é o segredo. E para ser saudável, o equilíbrio é fundamental. Então, anote as dicas abaixo e vamos temperar a vida, usando os 5 elementos em diferentes proporções!

Para isso, existe uma ordem natural de entrada de cada ingrediente. Como a vida, que acontece em ciclos, também essas energias se alternam. No Feng Shui chamamos esse movimento de Ciclo de Criação
Madeira é combustível para  o Fogo, que produz Terra (ou cinzas), que contém Metal (metais diversos são encontrados na terra), que conduz a Água (as nascentes são rochosas), que nutre a Madeira (as plantas).

Vou usar meu exemplo para ajudar o entendimento da teoria: lembra que o ponto de partida é o propósito?  Se não lembra, releia o capítulo Pedra fundamental: o propósito da mudança. Pois bem, lá defini que o Metal seria o elemento prioritário. Assim sendo, a proporção do meu projeto foi:

Vera Sousa Feng Shui
50,0% Metal
25,0% Água
12,5% Madeira
6,25% Fogo
6,25% Terra

Por que esses percentuais? Essa é a proporção áurea, aquela que a Natureza sabiamente repete em tudo o que cria. (Quer saber mais sobre isso, siga o link.)
Vera Sousa Feng Shui
Por hora, memorize apenas essas proporções e não tem erro. O projeto ficará harmonioso. Repare que parto do Metal e os outros elementos são adicionados conforme a ordem do Ciclo de Criação. Os dois últimos elementos são as pitadas finais que garantem o equilíbrio. Sem eles, tudo pode ficar monótono. Você pode reservar para essas pitadas, as almofadas, um pufe, quadros, vasos, arranjos florais, os detalhes menores da decoração. As maiores proporções ficam para paredes, sofás, tapetes. Confira nas fotos abaixo:

Vera Sousa Feng Shui
Paredes em tom pastel, cortinas cinza e luminárias em metal branco,
fazem a proporção do Metal. O azul do sofá, mais a mesa de vidro, com
objetos em preto, trazem a Água. A Madeira está presente nas cadeiras e
no arranjo cheio de plantinhas verdes. Fogo e Terra estão nas cores
vermelho e laranja das  fotografias e na forma quadriculada
 como foram dispostos os quadros.
Vera Sousa Feng Shui
O Metal domina o ambiente pela cor branca, mas é equilibrado pela
Água representada no espelho do aparador, nos vidros
e na fotografia do Rio Douro, na parede.
A Madeira da mesa e cadeiras completam a proporção desse elemento.
A mesa ganhou um pé de metal branco para reduzir a quantidade de Madeira.
Toques de Fogo e Terra estão na cafeteira laranja e no
jogo americano para o dia-a-dia, em vermelho.

Vera Sousa Feng Shui

Vera Sousa Feng Shui
A sala de TV segue a mesma composição de elementos e o pufe laranja
ajuda a trazer as pitadas de Terra para o ambiente.
Para ficar ainda mais claro, vou mostrar como era antes a sala.  As proporções seguiam uma combinação de elementos completamente diferente:

Vera Sousa Feng Shui
50,0% Madeira
25,0% Fogo
12,5% Terra
6,25% Metal
6,25% Água
Repare como você pode mudar o temperamento de um ambiente trocando cores, texturas, tecidos, materiais e objetos de decoração. 

Vera Sousa Feng Shui
Madeira e Fogo dominavam o ambiente, na mesa de jantar
e nas listras do sofá. 
Vera Sousa Feng Shui
Fogo explícito em uma das paredes da sala de jantar, conferia a maior
proporção desse elemento ao ambiente.  A Madeira da grande mesa,
que ocupava quase todo o espaço, deixava pouco para circulação.
O Metal estava presente na cristaleira e nas canaletas repletas de quadros.
Água, presente no espelho dentro da cristaleira, fechava a composição.
Vera Sousa Feng Shui
O excesso de objetos e plantas também aumentava a proporção da Madeira.
As paredes em amarelo traziam a Terra e a Água estava presente nos
espelhos e vidro da mesa de centro.
Abaixo incluo uma lista de materiais, cores de acordo com cada elemento. Falo disso também na série sobre os elementos. Você pode dar uma espiada para se inspirar e usar a criatividade.

  • Madeira: verde, azul claro, folhagens, listras verticais, forma retangular
  • Fogo: vermelho, couro, lã, seda, forma triangular
  • Terra: amarelo, laranja, ocre, marrom, floral, cerâmica, forma quadrada, quadriculada
  • Metal: branco, cinza, tons pastel, metais em geral (aço, ferro, prata), pedras, forma circular
  • Água: azul escuro, preto, vidro, espelhos, aquários, fontes, forma fluida

Se você quiser mais vibração para os ambientes vai ter que lançar mão de outra combinação de elementos. Chamamos de Ciclo de Controle. Mas desse vou falar em outro momento.

Vera Sousa Feng Shui
Ciclo de Criação, um elemento gera o outro em uma sequência
natural e harmoniosa

Sempre que colocar em prática essa receita, lembre que está emprestando da Natureza suas qualidades:

  • da Primavera, onde a Madeira domina por representar crescimento, expansão
  • do Verão, quando domina o Fogo, a radiação, o calor do sol
  • do Outono, quando domina o Metal, o resfriamento, a contração da força natural
  • do Inverno, onde a escuridão e o recolhimento são representados pela Água
  • do planeta Terra, que concentra todos os movimentos acima

Esta série não tem a pretensão de esgotar, em um texto, todas as técnicas de Feng Shui. Porém, a proposta é oferecer ferramentas práticas que você pode utilizar sozinho. Experimentei e posso afirmar que, com esse mínimo de informação, seu projeto ganhará muito ao trazer consciência para o que está sendo desenhado. Se tiver interesse em aprofundar o conhecimento e o uso de mais técnicas, é só procurar um consultor de Feng Shui da sua confiança. 


Vera Sousa Feng Shui

Essas regras podem ser aplicadas para a casa toda, por ambiente ou por utilidade do cômodo. 
Espero que essas informações sejam úteis para seu próximo projeto, como foi para o meu. Mas antes de ir embora deixo mais três regrinhas de ouro:

# 1: você precisa ter um ponto de partida, o propósito, lembra? Esse é pessoal e intransferível! A partir dele, você determinará o elemento predominante do projeto.

# 2: trabalhe com contrates para evitar a monotonia.  Yin Yang são energias opostas que, combinadas, promovem o equilíbrio.

# 3: não se deixe levar por modismos. Escolha o que te faz feliz, tenha significado e represente a sua personalidade.

Acompanhe os próximos episódios:
  • Mudanças estruturais externas: planta, acessos e proporções.
  • Mudanças substanciais internas: sentimentos, bloqueios e resoluções.
  • A prosperidade mora na sua casa.
Para uma consulta personalizada, envie email para verargsousa@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário